Weintraub diz que cortará verbas de universidades para investir na educação infantil

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, usou uma rede social para falar sobre o corte de verbas das universidades federais do país na quarta-feira (1°).

Em um vídeo, Weintraub afirmou que a política de cortar a verba dedicada às universidades está alinhada com o plano de governo que elegeu Jair Bolsonaro.

“Os recursos futuros vão ser direcionados para cursos de graduação ou para a pré-escola, ou para a educação básica”, declarou o ministro, garantindo que as matrículas e cursos universitários já abertos serão mantidos.

Sem explicar de onde vêm os dados que citou, ele comparou o custo de um universitário – R$ 30 mil anuais, com o de uma vaga em creche – R$ 3 mil reais.

“Para cada aluno de graduação que eu coloco na faculdade, eu poderia trazer dez crianças para uma creche. Crianças que geralmente são mais humildes, mais pobres, mais carentes, e que, hoje, não têm creches para elas. O que você faria no meu lugar?”, afirmou Weintraub.