Sempre com falas preocupadas com o futuro do país e os altos gastos com a Previdência Social, o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM), parece não se importar em pagar, com recursos públicos, R$ 2 milhões com segurança. Segundo o colunista Lauro Jardim, Maia firmou um contrato de R$ 25 milhões, por um ano, com a Partner Security. 

A empresa atuará com a segurança armada na Câmara, além de alguns serviços externos, como vigiar a residência oficial do demista. A Partner Security já tinha sido contratada em 2017 e disponibiliza cerca de 270 funcionários para fazer o trabalho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui