Tomadas, fios e aparelhos elétricos são um perigo extra quando há crianças em casa. Com a pandemia de coronavírus, o isolamento social imposto no país fez com que os pequenos tivessem que ficar 24 horas, todos os dias da semana, dentro de suas residências. Para evitar que acidentes aconteçam, é preciso que os pais e demais responsáveis fiquem atentos às medidas de segurança. 

De acordo com o grupo Neoenergia, responsável pela Coelba, utilizar protetores em todas as tomadas é uma importante medida para reduzir o risco de choques elétricos. Como sempre gostam de explorar objetos e lugares diferentes, as crianças podem introduzir itens nas tomadas e acabarem se acidentando, inclusive resultando em morte. Com a proteção desses espaços, os riscos diminuem muito.

Outro cuidado é deixar a criança calçada e seca quando for ter contato com qualquer tipo de eletrodoméstico ou aparelho eletrônico. Água e eletricidade não combinam.

Na verdade, o ideal é que os pequenos jamais toquem em fios e aparelhos elétricos. A orientação é que haja ainda mais atenção quando objetos como celulares e tablets estiverem carregando. Eles só devem ser utilizados após a carga ficar completa e quando estiverem desconectados da tomada. Além disso, qualquer equipamento eletrônico só deve ser ligado ou desligado da tomada por um adulto, que não pode nunca puxar pelo fio, apenas pelo plugue.

“Sempre verifique o estado da fiação do aparelho antes de plugá-lo à tomada. Caso o fio esteja desgastado em algum ponto, existe o risco de choque elétrico. Não mantenha o uso do T (benjamim) e extensões de forma definitiva, pois isso pode levar a curto circuitos e incêndios. Além dos protetores nas tomadas, é importante checar se todas as tomadas existentes na residência estão de acordo com o novo padrão”, elenca a Neoenergia.

Com segurança, criatividade e disposição, os pais, mães, avós e quaisquer outros responsáveis pela criançada dentro de casa podem entreter este público e mantê-lo saudável, ainda mais durante esse período de isolamento social que exige mais atenção com os pequenos. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui