Na útlima segunda-feira (2), a festa de lançamento do CD dos sambas de enredo das escolas do Grupo Especial do Rio teve uma ausência bastante notada. Gracyanne Barbosa, rainha de bateria da União da Ilha, não compareceu e se dedicou à sua aula de pole dance.

O motivo ela mesmo revelou em entrevista ao colunista Leo Dias, do portal Uol. “Não fui por causa da Viviane”, disse ela citando a ex-mulher do cantor Belo, seu atual marido. No entanto, a musa fitness explicou que foi uma decisão pensada para o bem das escolas de samba e também nelas mesmas.

“Não foi especificamente por ela. Se eu tivesse ido era para dar visibilidade à escola, mas, em eventos assim, quando estamos eu e Viviane, principalmente no Salgueiro, a única coisa que sai [na mídia] é Gracyanne está no mesmo lugar que a Viviane. Aí, não falam nem da Ilha nem do Salgueiro, mas só da polêmica envolvendo a gente. Não é bom para mim, não é bom para ela, não é bom para as escolas.”, disse Gracyanne.

A modelo revelou que contou com o apoio do presidente da União da Ilha, Djalma Falcão, na decisão de não ir ao evento ealizado na quadra da Acadêmicos do Salgueiro, escola que tem Viviane como rainha. “Conversei com meu presidente, e ele disse que se eu não me sentisse bem, se não fosse ajudar a escola, não precisava ir. Como ele me deu essa opção de escolha, achei melhor não ir.”, conta.

BNews.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui