De acordo com autoridades norte-americanas, a Casa Branca está estudando possibilidade de liberar a entrada de estrangeiros nos Estados Unidos, atualmente proibidos, que estiveram recentemente no Brasil, Reino Unido, Irlanda e mais 26 países europeus. Informação foi divulgada pela agência de notícias Reuters.

Os estrangeiros que passaram há pouco tempo na China ou no Irã, porém, não estão dentro dos planos de liberação do presidente dos EUA, Donald Trump. As autoridades explicam que essa decisão foi tomada com a justificativa de evitar o avanço da pandemia do coronavírus no país.

A proposta de retirar proibição tem o apoio dos membros da força-tarefa do coronavírus da Casa Branca, da saúde pública e de outras agências federais, mas decisão final ainda não foi tomada por Trump.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui